Música: The Moog Cookbook - Black Hole Sun

No fim dos anos 60, Bob Moog criou os sintetizadores musicais comerciais e junto deles a música pop eletrônica. Os sintetizadores eram grandes aparelhos cheio de cabos, de difícil entendimento e operação que ocupavam um estúdio inteiro .

Durante a década de 70 artistas do mundo do rock progressivo e da nascente corrente de "música eletrônica" os utilizavam para criar novas texturas, ambiências sonoras, ou mesmo peças musicais completas baseadas nos novos sons possíveis apenas a partir destes aparelhos, que já diminuíam consideravelmente de tamanho.

Durante os anos 80 houve o auge da música pop eletrônica e a explosão e multiplicação de novos estilos e vertentes, a popularização do sampler mudou radicalmente a maneira de produzir música. Grandes produções marcam este período, bem como muito lixo que inevitavelmente começou a saturar esta sonoridade particular e o gênero pop eletrônico como um todo.

Aí chegaram os anos 90 e inventaram o Grunge e coisas como o Nirvana e a reencarnação icônica de ídolos da "atitude lixo" (como Jim Morrisson) na pele de seu líder vocalista Kurt Kobain (que eu já disse e volto a repetir: teve como maior contribuição musical morrer para que o Nirvana pudesse acabar e o Foo Fighters surgisse).

Um efeito dessa "retomada das guitarras" nos anos 90 foi que os sintetizadores antigos e pesados passassem a ser vendidos a preço de banana. Alguns ávidos colecionadores puderam então colocar as mãos em relíquias que 10 anos antes custariam milhares de dólares.

O Moog Cookbook nasceu nesse contexto. Uma dupla que inspirada na febre dos "discos moog" da década de 60 início de 70 (regravações de grandes sucessos com sintetizadores moog) passou a produzir covers de grandes hits das guitarras, com sintetizadores antigos, como se fazia 30 anos antes, mas em plena virada de milênio.

A produção do Moog Cookbook tem um lugar afetivo em minha apreciação musical. Encontrei este vídeo (raro, ao menos para mim) da dupla e um de seus covers. Não é minha faixa preferida dos dois discos que conheço da dupla, mas serve para apresentá-los. Conheço pouca música tão inteligente, divertida e crítica quanto a desses caras. (Aviso: Não é pra qualquer par de ouvidos)

Com vocês: The Moog Cookbook, com o cover de Black Hole Sun.

Comente de volta!