E já que o assunto é poesia...

E já que o assunto é poesia... vai aqui uma das minhas preferidas do Quintana:
INSCRIÇÃO PARA UM PORTÃO DE CEMITÉRIO

  Na mesma pedra se encontram,
  Conforme o povo traduz,
  Quando se nasce - uma estrela,
  Quando se morre - uma cruz.
  Mas quantos que aqui repousam
  Hão de emendar-nos assim:
 "Ponham-me a cruz no princípio...
  E a luz da estrela no fim!"

Mario Quintana - A Cor do Invisível

  1 comment for “E já que o assunto é poesia...

  1. John D. Godinho
    08/08/2009 at 15:43

    Inscription for a Cemetery Gate

    On the same headstone you’ll find
    the people’s view of gain and loss:
    above the date of birth, a star,
    above the date of death, a cross.

    But many of those who rest here now
    would correct us with their final breath:
    “There should be a cross above my birth…
    “and the light of a star above my death!

    Mario Quintana
    (Translated by John D. Godinho)
    in The Color of the Invisible

Comente de volta!