Staring at the gates of hell

PER ME SI VA NE LA CITTÀ DOLENTE,
(através de mim se vai à cidade dolente)

PER ME SI VA NE L'ETTERNO DOLORE,
(através de mim se vai à eterna dor)

PER ME SI VA TRA LA PERDUTA GENTE
(através de mim se vai por entre as pessoas perdidas)

GIUSTIZIA MOSSE IL MIO ALTO FATTORE;
(meu supremo criador foi movido pela justica)
FECEMI LA DIVINA PODESTATE
(fui feita pelo poder divino)

LA SOMMA SAPIENZA E 'L PRIMO AMORE
(a sabedoria suprema e o amor primeiro)

DINANZI A ME NON FUOR COSE CREATE
(antes de mim não foi mais nada criado)
SE NON ETERNE, E IO ETERNA DURO.
(senão eterno, e eu eterna duro)

LASCIATE OGNE SPERANZA, VOI CH'INTRATE
(Deixai toda esperanca, ó vós que entrais)

  7 comments for “Staring at the gates of hell

  1. 11/12/2006 at 07:07

    Così, felice in Italia!!!

  2. 12/12/2006 at 09:38

    what's up? 🙁

  3. 12/12/2006 at 10:44

    Dante 🙂
    Mas eu estou na parte em que ainda não é "up" 🙂

  4. Aida
    12/12/2006 at 21:09

    What's happen ???
    Please don't worry, you a very nice guy... Take care.

  5. 13/12/2006 at 08:08

    Isso parece até titulo de musica de banda de Révi Metal

  6. 13/12/2006 at 08:14

    É o que diz a placa na entrada do Inferno, eu estou lendo a divina comédia em verso, edição bilingue Italiano/Português 🙂

  7. 14/12/2006 at 14:27

    o inferno não pode durar para sempre, ande logo com esse 22 cânticos, rs...:)

Comente de volta!